sexta-feira, 2 de julho de 2010

RUIVOS: UMA VERDADEIRA PAIXÃO MUNDIAL.

       Nossa rede não se desconecta nunca, apenas diminuí a força. Em tempos de Copa do Mundo, o coração sai pela boca e vai para mão, a cabeça fica na chuteira. A bola passa a ser nossa paixão nacional e, assim, dedicamos muito tempo discutindo sobre o Brasil e seus personagens. Enquanto a Jabulane rola, nos gramados de Joanesburgo, nosso olhar ruivo não se desliga nunca, e pelo visto, nem o de vocês, pois chegamos a mais de 30 mil acessos em nosso blog. Para comemorar tal feito ligamos a rede e temos notícias frescas.

      A primeira é o Programa de rádio, “Humor de Segunda até Segunda Ordem”, apresentado pelo ruivo Pedro Monteiro com produção e comentários de Leonardo Neves, que também é autor da peça “Os Ruivos”. Enquanto a peça se prepara para atacar em novos gramados. A dupla apresenta o programa na rádio Roquete Pinto, 94,1 FM, toda segunda-feira, de 12:00 à 13:00. O programa é para liberar os corpos encachaçados do final de semana e ajudar, com humor, a superar a saída do Brasil da Copa.

      A segunda novidade é o livro da Ruiva, Julianne Moore, que é uma das maiores estrela de Hollywood e, agora, resolveu usar o apelido que lhe deram na escola, ‘Morango Sardento’, como título do seu livro. Em 40 páginas, a atriz relembra o que passou por ter nascido com cabelo vermelho. Até banho com suco de limão ela tomou para se livrar das pintas. Outra ruiva que surgiu foi a espiã russa presa nos EUA. Willian Bonner, apresentador do JN, colocou várias vezes a foto da ruiva em rede nacional. Ruivo deve evitar ser espião, pois é facilmente identificado.

      Ah! Quer saber mais sobre a seleção brasileira? Não merece comentários. Fatos previsíveis. A bola segue. Cotamos com a participação e audiência dos ruivos, em nosso programa de rádio, pois ser brasileiro é muito bom, mas ser ruivo é paixão mundial.

                                                            MORANGO SARDENTO

Um comentário:

Camila N. disse...

a vida segue com taça do mundo ou sem taça do mundo. Ser ruivo é uma paixão mundial